Vida animal

Rodrigo, com 3 anos e meio, ouviu os tios conversando e começou a repetir dois palavrões: “Talaio” e “Biado”. Mesmo com a família ignorando, tentando mudar o foco, ele ficou por vários dias repetindo em diferentes situações:

Talaio! Biado! Talaio! Biado!

Tempos depois, sua mãe teve uma ideia e resolveu recorrer a um livro de animais para chamar a atenção de Rodrigo. Folheando as páginas, ela explicou:

– Olha, filho, sabe aquela palavra que você gostou? Tá aqui, ó: ve-a-do, é esse bichinho aqui, viu?

E Rodrigo, bastante interessado, completou:

– Vi, legal, e cadê o Talaio?

Diversas do Vitor

Vitor  tem 3 anos e gosta muito de conversar com sua mãe:
Sobre fogos de artifício
– Mamãe, tem fogos lá fora. Eu seguro a sua mão pra você não ficar com medo.
– Ô, lindinho, obrigada, Vi! – responde a mãe, emocionada.
– Agora, a gente tem que conversar com o papai do céu, pra ELE tirar os fogos da nossa vida. Sabe como? Ele sempre faz umas magiquinhas…
Férias e saudades
– E aí Vião, tá gostando das férias?
– Tô sim, mamãe, tá muito legal. Mas falta uma coisinha.
– O quê?
– Você!!
 
Futebol
– Mamãe, nós vamos torcer para o azul ou para o brantu?
– O Corinthians é o branco e o Santos é o azul.
– Ah, então, o brantu vai ganhar e o azul é mau, né, mamãe?

Máquinas na pista
Sua mãe, com cara de quem vai ensinar mais uma:
– Vitor, olha aquele trator, que grande!
Ele, com cara de que a mãe está desatualizada:
– Não é trator aquilo mamãe, é guindaste!

Super herói
– Mamãe, você pega a minha fantasia de super-homem pra eu salvar todo mundo?

Mamãe Alien

– Mamãe, meu xixi é amarelo, né? E o seu? É verde?

Noveleira

No carro com sua mãe, Helena, com 5 anos, escuta no rádio uma música com a palavra “novela”.

– Olha, novela! – diz Helena, empolgada.

– É, novela… – responde sua mãe intrigada. E, querendo entender melhor, pergunta:

– Mas, Lelê, você sabe o que é novela?

E Helena responde muito apropriada do assunto:

– Sei, é um tipo de lã.