Perguntas e reflexões do Lúcio

Lúcio, com quase 6 anos, anda cheio de perguntas e boas reflexões:
– Mãe, existem quantos mundos?
– Mãe, a gente pode ir um dia pro deserto do Saara sem passar protetor?
– Mãe, eu queria tanto ter um dromedário de estimação!
– Mãe! Já sei o que quero ganhar de presente de 6 anos: um Tiranossauro Rex de pelúcia, uma luneta para ver as estrelas e um banho de mel!

– Mãe, cana de açúcar vem da natureza, né?
– É filho… – responde sua mãe.
– E cacau também vem da natureza, né?
– É filhinho…
– Então, chocolate vem da natureza e é saudável. Eu quero!

Histórias de Clarice…

Transcrevo aqui dois registros encantadores retirados do caderno de Clarice Lispector…
“1954 – no aeroporto quando íamos de férias para o Rio, ele vê uma menina e me diz furtivo, afobado:
– Olha, uma menina bonita!
Ficou agitadíssimo e disse:
– Mamãe, quando eu vejo uma moça eu até sinto o cheiro do meu paninho! (o pedaço de pano com que desde que nasceu, ele dorme. Quando o pano era lavado ele reclamava a ausência de cheiro. Uma vez disse: mamãe, o paninho tem cheiro de mamãe!)”
“Pedro.
– A palavra “palavra” é ex-possível!
– Ex-possível?
– É! Gosto mais de dizes ex-possível do que impossível! A palavra “palavra” é ex-possível porque significa palavra.”
LISPECTOR, Clarice. Outros Escritos (Organização de Teresa Montero e Lícia Manzo). Rio de Janeiro: Rocco, 2005.

 

3 desejos

Dia dessas com o Theo (3 anos e meio), lendo a história do Aladin, eu pergunto:

– Filho, se você encontrasse uma lâmpada mágica e pudesse fazer 3 pedidos para o gênio, pudesse pedir qualquer coisa, o que você iria pedir?


E ele responde muito animado:
– Eu ia pedir pra gente ir pra praia!
 

E o segundo desejo?
– Eu ia pedir pra gente voltar pra nossa casa! – igualmente animado.
 

E o terceiro?
– Ir pra casa da vovó Stela!!

… acho que o segredo da felicidade é ter desejos simples de serem realizados…

Quando as coisas funcionam ou não…

Victor é primo do Rafael e, quando tinha 2 anos, viu o pai consertar a válvula da descarga e foi contar para a tia, todo animado:

Meu pai consertou a descarga e agora tá  consionando!!!

—-

E o Pedro, com 3 anos, ficou intrigado quando o controle remoto não mudava os canais e reclamou com o pai:


Dóga, esse contole não fununcia!

—-
(O Victor e o Pedro, precisam conversar com o Lúcio sobre essas coisas que não sanfoniam, né?)

Noveleira

No carro com sua mãe, Helena, com 5 anos, escuta no rádio uma música com a palavra “novela”.

– Olha, novela! – diz Helena, empolgada.

– É, novela… – responde sua mãe intrigada. E, querendo entender melhor, pergunta:

– Mas, Lelê, você sabe o que é novela?

E Helena responde muito apropriada do assunto:

– Sei, é um tipo de lã.

Adereços femininos

Sabe aquele negócio de prender o cabelo que é mais elegante do que o elástico?

A Sophia, quando tinha uns 3 anos, quase arrumou uma briga na escola por causa deste adereço…

Sophia: – Me dá minha Pivelinha!

Amiga da Sophia: – Aaai, não é Pivelinha, é Prrivelinha!!

Sophia: – Não! É Piiiivelinha! Me dá!!!

Amiga da Sophia: – Tó! Mas não é Pivelinha, é Prrivelinha!!!

Finalmente o pai da Sophia chegou para salvar a pobre fivela que quase quebrou no meio da disputa…