Soneca bagunçada

Artur, com 4 anos e pouco, contando para sua mãe como foi o passeio que fez com o pai:

– E aí, eu tava no carro e o meus olhos estavam bagunceiros.

– Os olhos estavam bagunceiros?

– É. Assim, ó: [e pisca os olhos bem rápido]

Segurando o riso, sua mãe perguntou:

– E o que aconteceu depois?

– Eu fechei eles e dormi.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.