Tão longe, tão perto

Miguel, com 2 anos e meio, ficou irritado com um brinquedo e o atirou com tudo, sem se preocupar com o seu paradeiro.

– Filho, não faz assim. Depois você não vai encontrar mais. Cadê? – perguntou sua mãe.

E ele, ainda irritado, respondeu:

– Tá lááááá perto do longe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.