Alta estima (ou “ninguém tem um filho mais leonino do que eu”)

Família brincando no tatame do quarto; um abraça o outro, todos abraçam todos. Theo, com 4 anos e 8 meses em um dia bem humorado, distribuiu muitos beijinhos e abraços entre o pai, a mãe e o irmãozinho. Até que se empolgou e, entre um carinho e outro, declarou animado:

– Adoro você!
– Adoro você!
– Adoro você!
– Adoro eu mesmo!
theo_leao_ana_saula
Ilustração especialmente feita para o Blog!
Por Ana Saula

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *